21 de Maio de 2018

Existem mulheres que trocam o esmalte das unhas todos os dias ou apenas querem que as decorações e esmaltes durem bastante. Mas, nem todas sabem qual é o tempo ideal para deixar o esmalte nas unhas e tanto pintá-las todo dia como deixar por muito tempo pode ser prejudicial para a saúde das unhas.

Saiba qual é o tempo certo para ficar com as unhas pintadas.

O que acontece se deixar o esmalte nas unhas por tempo prolongado?

Ficamos felizes quando o esmalte não descasca e dura por mais tempo, porém, chega um momento em que ele deve ser retirado, mesmo que a unha esteja impecável, pois quando o esmalte fica por muito tempo nas unhas, ele as deixa ressecadas e com manchas brancas.

Trocar de esmalte com um intervalo curto de tempo

Esmaltes e unhas é uma paixão comum entre as mulheres, algumas não conseguem se segurar e acabam trocando as cores de esmaltes ou decorações diariamente, outras vezes a cada 2 e 3 dias. E retirar o esmalte das unhas com frequência, também pode causar ressecamentos e manchas devido ao uso de removedores a base de acetona. Sem contar que a prática deixa as unhas fracas e quebradiças, mesmo que os removedores não sejam à base de acetona.

Caso as suas unhas tenham o aspecto ressecado, a solução é hidratar com produtos à base de uréia que proporcionam um ótimo resultado.

Intervalo certo para fazer as unhas

Vamos esclarecer as dúvidas, pois acima deixamos claro que é prejudicial deixar o esmalte nas unhas por muito tempo e remover com muita frequência. O certo é deixar o verniz nas unhas por no máximo cinco dias e remover, deixando que as unhas respirem por dois dias até fazê-las novamente. Aproveite o intervalo de dois dias sem esmalte nas unhas, para cuidar delas e hidratá-las.

Seguindo essa dica corretamente, suas unhas terão uma melhor aparência.

E vocês, com qual frequência costumam fazer as unhas? Compartilhe conosco nos comentários.

 

postado por Thais

Compartilhe com os amigos: 5 comentários

Leia Também

  • Unha da Semana: Francesinha
  • Cor da Semana: Vermelho Renner
  • Cor da Semana: Francesinha Amarela
  • 17 de Maio de 2018

    Menina diferente da semana passada, para essa semana eu me joguei no nude. O esmalte que escolhi é da marca Risqué e faz parte da Coleção inspirada na Minnie.




    Eu aplique 2 camadas do nude que se chama Close na Pose, a secagem foi super rápisa. Para fazer o efeito do brilho eu usei o esmalte da Nati de ultra Glitter.



    Aplique apenas 1 camada e na ponta tentei fazer uma francesinha de leve. Gostei muito da combinação e do resultado final. Ambos o esmalte tiveram uma secagem rápida, mas para finalizar tudo, passei 1 camada do extra brilho da Anitta (esqueci de fotografar).

    Esse nude entrou para a minha seleção de favoritos, pois estou apaixonada nele. E vocês o que acharam da combinação dessa semana? Me contem nos comentários. Beijos!

    postado por Jhessi

    Compartilhe com os amigos: 15 comentários

    Leia Também

  • Unha da Semana: Are Baba, Índia
  • Unhas:Tutu com Crystal Rosa
  • Cor da Semana: Jaqueta Jeans
  • 14 de Maio de 2018

    Estamos acostumadas com as tendências de moda que sempre aparecem com diversos estilos surpreendentes e as unhas não estão de fora, pois os modelos dos formatos escolhidos também passam por mudanças através dos anos. Hoje em dia, os formatos pontiagudos são os mais desejados, mas antigamente o formato quadrado era o favorito e o arredondado pouco usado.

    Saiba quais os formatos de unhas mais pedidos nas últimas décadas.

    As unhas sempre foram uma grande paixão

    Até antes da invenção dos esmaltes, as mulheres já davam muita atenção às unhas e se preocupavam com o cronograma de cuidados para mantê-las perfeitas. No século XIX, as unhas eram mantidas em formatos redondos e curtos, sempre bem cuidadas e limpas para ter um visual impecável nas mãos.

    Unhas longas, formato de amêndoas

    Na década de 20, foi inventado o primeiro esmalte através de tintas usadas para pintar carros.  As mulheres mais vaidosas e que estavam sempre cuidando das unhas, usavam e popularizaram o verniz cor de rosa, que foi a primeira cor comercializada no mercado. Para destacar mais as unhas e chamar atenção para o esmalte que usavam, começaram a deixar as unhas mais longas com um formato diferente do clássico arredondado, deixando a ponta das unhas mais pontuda, porém sem fugir da forma, usando o exemplo de uma amêndoa, daí surgiu o formato amendoado.

    Squoval, unhas quadradas com cantos arredondados

    Nos anos seguintes, as mudanças nos formatos ainda continuaram, pois na década de 50 o comprimento longo continuou sendo preferência, mas o formato redondo e arredondado começou a ser deixado de lado. As unhas ganharam formatos quadrados com cantos arredondados, que virou popularidade e foi escolhido por muitas mulheres. Esse foi o primeiro formato quadrado a ser utilizado, hoje é chamado de squoval por ter cantos arredondados. Quanto aos esmaltes o vermelho começou a ser preferência e o rosinha começou a cair em desuso, sendo um tom ultrapassado.

    Anos 70 e 80 mais quadradas e mais longas

    Nesse período as unhas começaram a ter formas bem quadradas, deixando de lado os cantos arredondados e ficaram ainda mais longas. Sendo preferidas unhas bem maiores com cores mais extravagantes.

    Tamanhos menores voltam no final do século XIX

    Entre 1990 e 2000 as unhas quadradas e muito longas já não faziam o gosto de todas as mulheres, algumas ainda preferiam as unhas mais curtas e redondas. Inclusive alguns homens começaram a experimentar o uso de esmaltes nas unhas, o que hoje em dia é mais comum.

    Ter opções variadas é o que instiga a atenção

    Como podemos perceber as mudanças sempre acontecem e a popularidade faz com que elas virem tendências, às vezes esses modelos até dure ao longo dos anos. O que chama atenção são as opções variadas que temos, podemos escolher o que mais nos agrada. Não podemos negar que atualmente as unhas longas e pontiagudas como stiletto ou a versão quadrada bailarina que tem o formato de ponta de sapatilha, têm ganhado nosso coração e preferência da maioria das mulheres, que muitas vezes até usam unhas postiças para conseguir o que deseja.

    E aí conheciam a história e como surgiu o formato das unhas? Gostaram do artigo? Deixem suas opiniões e experiências nos comentários.

    postado por Thais

    Compartilhe com os amigos: 0 comentários

    Leia Também

  • #Dica da Jhessi: Base fortalecedora para unhas com hortelã e cravo da índia
  • Cor da Semana: Francesinha Amarela
  • Unhas da semana: Aquela dos 30
  • 8 de Maio de 2018

    Confesso que quando fui na manicure ontem, tinha outra cor em mente para usar. Mas assim que bati o olho na cor dessa semana, já sabia que ela era a minha escolhi pra hoje.


    Para essa semana eu escolhi a cor Babados e Bolinhas da Coleção da Risqué inspirada na Minnie. Eu, sinceramente amei a cor mesmo, tanto que até fiz as patinhas do pé com ela também.



    A Eliana que foi a responsável pela unha essa semana, aplicou duas camadas dele, embora eu tenha achado ele um esmalte mais grossinho, a secagem foi super rápida.


    Para fazer a francesinha usamos o Bianco Puríssimo (esqueci de fotografar) e o Novo Renda, ambos da Risqué e ambos foram aplicados 2 camadinhas também.


    No dedo anelar usamos um esmalte o Rosa Crystal da Avon para finalizar a combinação.

    Eu amei toda a combinação que fizemos para essa semana, amei que elas ficaram lindas demais e vocês o que acharam? Me contem nos comentários que vou amar saber. Beeeijos!

    postado por Jhessi

    Compartilhe com os amigos: 14 comentários

    Leia Também

  • Unhas: Bianco Puríssimo
  • Unha da Semana: Doce Perola
  • Como evitar bolinhas depois que o esmalte secar – Acabamento perfeito
  • 7 de Maio de 2018

    Para as mulheres, unhas bem feita e em dia é sinal de beleza e cuidado com o visual. Mas, algumas vezes, assim que saímos do salão ou terminamos de pintar a unha sozinha, elas acabam borrando e deixando imperfeições. Por esse motivo, existem alguns produtos que ajudam a deixar a manicure com a finalização impecável, fazendo o esmalte secar mais rápido, como exemplo, os óleos secantes.

    Saibam quais são as vantagens de usar óleo secante nas unhas.

    Proteção contra borrões

    Mesmo que o óleo secante seja conhecido por ajudar o esmalte a secar mais rápido, ele tem outras vantagens, como exemplo, proporcionar uma cobertura transparente e oleosa, que ajuda a criar uma proteção para as unhas, evitando que objetos, sujeiras, algodão e outros fiapos, entrem em contato com o esmalte, grudem ou borre as unhas.

    O aspecto transparente não altera a cor

    O óleo secante não altera a coloração do esmalte e permite que o acabamento das unhas seja impecável. Se você, assim como eu, é um pouco desastrada e sempre estraga algo na unha assim que sai da manicure, aposte no óleo secante para cores intactas e sem imperfeições.

    Não erre na aplicação

    Se você tem medo de borrar o esmalte ou estragar a decoração nas unhas por aplicar óleo secante, saiba que isso só acontecerá se aplicar o produto de forma incorreta.

    Depois que terminar de esmaltar e fazer as decorações nas unhas, também deve limpar os cantinhos e finalizar com uma cobertura de intensificador de cor, como o extra brilho ou top coat. Daí é só pingar com cuidado algumas gotas de óleo secante sobre as unhas, sem encostar o pincel e esperar que o produto se espalhe sozinho e rapidamente pela extremidade das unhas protegendo-as.

    Como pode perceber, não há muito segredo para usar o óleo secante. O único problema é que às vezes ao invés de pingar o óleo sobre o esmalte que ainda não está totalmente seco, algumas pessoas passam o pincel sobre ele. Se evitar isso, terá unhas protegidas sem imperfeições.

    postado por Thais

    Compartilhe com os amigos: 13 comentários

    Leia Também

  • Como evitar bolinhas depois que o esmalte secar – Acabamento perfeito
  • Unha da Semana: Gota dos Anjos
  • Esmalte cintilante: conheça uma das tendências para 2018.
  • 1 2 3 16